Cobertura:Kaldjorn a Taberna do Olho Furado

DSC06949

Você já quis ser um cavaleiro medieval? Um mago poderoso? Um paladino defensor dos frascos e comprimidos?

Com Kaldjorn, você pode! (Bom, até certo ponto.) (Galeria de fotos no final da postagem)

Kaldjorn é o nome de um grupo de LARP/Swordplay (também conhecido como “Boffer LARP”) medieval que se reúne todo mês em Porto Alegre, geralmente no Parque Marinha. Funciona assim: cada jogador se veste de um personagem específico, criado por você (ou de monstros ou NPCs, chamados coletivamente de “keepers”) e, a cada evento, uma nova linha de história é apresentada pelos moderadores. Cada um então interpreta os seus personagens dentro desses acontecimentos.  Como nenhuma história de fantasia medieval épica se constrói com personagens apenas falando, os jogadores podem lutar utilizando armas confeccionadas com diversos materiais como canos de PVC e espuma isomanta. Por questões de segurança e para incentivar o role-play, jogadores novatos (quem está vindo no evento pela primeira vez) são proibidos de lutar, mas a partir do segundo evento já podem criar seus personagens e buscar a glória!

(Mais detalhes sobre a brincadeira no site http://larping.com.br/kaldjorn. Um resumo básico para começar a jogar rapidamente se encontra aqui: http://larping.com.br/kaldjorn/artigo/32/regras_fastplay )

O evento coberto pela equipe desta vez tem como cenário a Taverna do Olho Furado, a primeira taverna aberta na capital de Kaldjorn desde a retomada das mãos dos orcs, graças à ação decisiva da família Rodnak, os fundadores do reino e legítimos detentores do direito ao trono que foram aprisionados magicamente 300 anos atrás. Entre acordos escusos e paladinos bêbados, vemos a vida dos sobreviventes voltar ao seu “normal” em um raro momento de paz antes da próxima batalha. Quantos aqui retornarão para desfrutar da companhia das belas taverneiras ou encher a cara com o melhor vinho da Capital? Quantos tombarão pelo caminho? Veremos se o que o destino guarda para esses valentes é a ruína, o desespero…

…ou a glória!

SALVE KALDJORN!

 

 

Adicionar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *