Hands-On com Castlevania: Lords of Shadow 2

Desde os tempos remotos, a luz e a escuridão travam guerra – cada lado com seus respectivos heróis e demônios. Na série Castlevania, a família Belmont lutou há muito tempo contra as forças do mal e procurou como derrotar Drácula de qualquer maneira.

Porém, em Castlevania: Lords of Shadow, a Konami e os desenvolvedores da MercurySteam redefiniram a história dos Belmonts em uma reviravolta surpreendente.  A trágica história de Gabriel Belmont terá uma conclusão em Castlevania: Lords of Shadow 2, que será lançado para PS3 dia 25 de fevereiro.

O produtor Dave Cox descreve Lords of Shadow 2 como um “hack ‘n’ slash” estratégico. O game coloca os jogadores no comando de Drácula e seu arsenal de outro mundo, com chicotes, espadas e luvas. Com diversas poções e relíquias, os jogadores atravessam uma aventura nos tempos atuais na tentativa de dar um fim ao sofrimento imortal do Drácula.

Mas Lords of Shadow 2  convida os jogadores a se envolverem em uma batalha muito mais tática e complexa do que a tradicional fórmula do esmagar botões. Drácula tem três estilos diferentes de combate que se complementam e dão o ritmo das batalhas. Ao trocar de arma no meio do combo, Dracula é capaz de massacrar seus oponentes.

A arma “padrão” que o jogador tem à disposição é o Shadow Whip, um chicote que permite ataques à distância rápidos e ágeis. Usar o Shadow Whip permite que  Drácula preencha sua barra de Focus, que por sua vez permite o uso de habilidades mais poderosas.

Quando enfraquecidos, os jogadores podem mudar para a Void Sword – uma espada fantasmagórica sedenta de sangue. A arma suga a força vital dos inimigos e a transfere para Drácula. Ela pode também ser utilizada para congelar inimigos e chefes, abrindo uma grande variedade de combos.

E Drácula também tem a Chaos Claws. Essas luvas de fogo podem destruir as defesas inimigas. Oponentes escondidos atrás de escudos ficarão vulneráveis após receberem uma bordoada bem dada. Essa arma também pode lançar faíscas de fogo nos inimigos e queimá-los de longe.

Os jogadores podem alternar entre essas três armas em tempo real, e até mesmo fazer combinações. O sistema de combate e a inteligência artificial agressiva vão dar um grande trabalho aos jogadores, que precisarão se adaptar a cada batalha e utilizar cada arma correta para o momento adequado.

Poções e relíquias também afetarão o fluxo da batalha. A Stolas Clock, por exemplo, deixa os inimigos mais lentos e faz com que eles fiquem paralisados no ar. Drácula pode liberar combos sobre eles para deixa-los sem ação alguma, o que permite aumentar o Focus. Também é muito divertido de assistir!

Batalhas à parte, Lords of Shadow 2 foi feito para explorações. O mundo é muito grande e aberto, cheio de caminhos secretos e tesouros, o que pode exigir que o jogador retorne a locais visitados anteriormente para encontrarem todas as surpresas. Os jogadores podem, por exemplo, dar de cara com um portão intransponível, mas depois retornar para atravessá-lo com um novo poder, o de se transformar em névoa. Há também um bom número de mini-games e desafios adicionais ao longo do jogo criados para variar o ritmo.

Cox diz que o jogo levará aproximadamente 20 horas para ser concluído. Contando com os desafios adicionais, esse tempo deve ir para 30 horas, prometendo uma bela quantidade de conteúdo para os jogadores mais dedicados.

Lords of Shadow 2 está com o lançamento programado para o dia 25 de fevereiro, e possui novas armas, habilidades, itens, inimigos e segredos. É um jogo de ação com o ritmo acelerado, complexo e com rico potencial estratégico. Os novos e antigos fãs de Castlevania têm muito o que esperar!

Comentários

Sem Spoiler Por favor.